Aprenda a partilhar uma porta USB, seja na rede seja na Internet

0
546

Já muito se escreveu sobre os mais variados tipos de partilha, seja em rede, seja na Internet de todo o tipo de dispositivos. Contudo, a partilha de uma porta USB para outros elementos na mesma rede ou fora dela, via Internet, é um tópico que não se vê todos os dias.

Nas nossas pesquisas, por necessidade, encontramos o Eltima USB Network Gate que, resumidamente, é uma poderosa mas ao mesmo tempo simples ferramenta que nos permite partilhar uma porta USB e o respectivo dispositivo conectado entre vários computadores para que em qualquer parte do mundo ou na nossa rede local possam usufruir dessa partilha.

USB Network Gate é daquelas ferramentas que podemos nem utilizar todos os dias mas que quando precisamos consegue conetar facilmente um ou mais dispositivos USB remotos ao nosso computador através da rede, seja Internet, LAN ou WAN (WiFi) de forma a que esse dispositivo estivesse ligado à nossa própria máquina.

Sim, o leitor leu bem em cima, não importa sequer se estamos noutro país ou simplesmente no compartimento ao lado: vai ser possível partilhar e usar dispositivos como scanner, impressora, webcam, modems, pens USB ou qualquer outra coisa de ligação USB como se fosse uma ligação local.

Instalação:

A instalação da aplicação é muito simples e intuitiva, não há que enganar com o extra de tudo estar em português. Existe sempre uma máquina que irá partilhar o seu USB para todas as outros e as demais, os clientes, que poderão apenas usufruir da partilha USB ou usufruir e também partilhar um USB.

Quem partilha e quem é cliente?

O USB Network Gate aquando da instalação questiona-nos se a máquina em questão irá partilha ou se irá aceder ao dispositivo USB. É possível fazer da nossa máquina um “partilhador” de USB e conector ou somente um conector de serviços USB.

No caso de escolhermos definir a máquina como apenas de conexão a dispositivos então não é necessária licença, o programa é gratuito.

A partir deste momento não há que enganar: corre-se o programa, na máquina de onde se pretende partilhar a porta USB e respetivo dispositivo e corre-se o programa cliente em qualquer outra máquina.

Fora da Rede, via Internet

Quando estamos fora da nossa rede o sistema facilita bastante, bastando somente adicionar o “Servidor” e inserir o IP da máquina que está a partilhar. O USB Network Gate trata do resto.

Conectar dispositivos USB em máquinas virtuais e servidores Blade

Para quem procura uma forma de conectar um dispositivo USB ao software da máquina virtual ou ao servidor blade então o USB Network Gate só necessita de ser instalado dentro da máquina virtual ou no servidor bastando de seguida aceder aos periféricos USB de uma área de trabalho virtual remota.

Uma vez ligado, automaticamente o cliente recebe a informação do ou dos dispositivos a que nos podemos conectar. Basta clicar em Conectar e teremos acesso imediato ao dispositivo USB como se este estivesse no nosso próprio PC. Mais simples? Impossível!

Ferramentas de virtualização

O USB Network Gate é compatível com as ferramentas de virtualização mais conhecidas como por exemplo:

  • VMware,
  • VMware ESX,
  • Citrix XenDesktop
  • Microsoft Hyper-V

Partilhar USB num RDP (Remote Desktop Protocol)

O problema mais comum ao utilizar o Remote Desktop Connection prende-se com o facto de não ser possível aceder aos dispositivos USB locais. Ora o USB Network Gate permite trabalhar com qualquer dispositivo USB local através de uma sessão remota.

Além disso podemos configurar a nossa máquina remota para detetar e conectar-se automaticamente a dispositivos USB partilhados ainda que de forma momentanea.

Aceder a dispositivos USB por Wi-Fi

Não há necessidade de alterar a nossa configuração de rede existente para permitir que, por exemplo, os funcionários de uma empresa partilhem um novo dispositivo USB – este pode ser acedido por WiFi a partir de desktops e laptops no escritório. A partilha de impressora USB, scanner ou outro dispositivo num um único PC onde todos os utilizadores da rede podem trabalhar com ele como se estivessem conectados ao computador.

Isolamento do dispositivo USB por sessão

Num ambiente multi-user de servidores de terminal, é difícil obter exclusividade no uso de dispositivos USB. Com o USB Network Gate é possível atribuir um dispositivo USB a um determinado utilizador específico na sessão de Remote Desktop Protocol. Nenhum outro utilizador poderá aceder ao dispositivo nesse momento. Neste caso alertamos para o facto desta função ainda estar em modo de testes

Dispositivos USB suportados

Como previamente referido, desde impressoras, passando por cameras, a leitores de cartões, discos USB, enfim, a panóplia de dispositivos é mais que muito.

Nova versão:

A mais recente versão do Eltima USB Network Gate apresenta algumas melhorias, entre elas:

  • Interface disponível em vários idiomas como: Chinês, Alemão, Francês, Alemão, Italiano, Japonês, Coreano, Polaco, Português, Russo e Espanhol;
  • Mostrar a velocidade da transmissão e a quantidade de informação enviada nos dois sentidos em cada conexão;
  • Possibilidade de desligar automaticamente um cliente depois de um determinado período caso um dispositivo não esteja activo;
  • Suporte ao Windows Server 2016;
  • Possibilidade de prevenir a reactivação de um dispositivo após este ter sido desligado.

Conclusão

A verdade é que esta ferramenta não podia ser mais útil e fácil de trabalhar. Sem ocupar muitos recursos no PC ou em qualquer outra máquina compatível (Linux, Mac e Android), o USB Network Gate vive quase de forma silenciosa no sistema. A activação dos dispositivos USB não podia ser mais fácil. Um verdadeiro PLUG & PLAY.

Vantagem ainda para o facto de existirem versões para o Windows, Linux, Mac e Android, tudo em português.

Apesar de se tratar de uma aplicação comercial, na nossa opinião vale cada cêntimo que custa uma vez que é 100% funcional e ao alcance de utilizadores tanto amadores como profissionais oferecendo zero resistência para se começar a usufruir da mesma.

Aproveitamos para agradecer a chave de teste que a Eltima nos ofereceu enquanto escrevíamos o artigo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here