Trabalhador morre atropelado por uma empalhadeira no Porto

0
131

Um trabalhador morreu, hoje, depois de atropelado por uma empalhadeira que carregava contentores no Porto de Quelimane.

Segundo o Jornal O País, o facto ocorreu quando o trabalhador, identificado por Adriano Gasolina, afecto à empresa concecionária do porto, Cornelder de Moçambique delegação de Quelimane, quando pretendia dialogar com o seu colega maquinista que na altura encontrava-se a efectuar carregamento de contentores.

Gasolina, que circulava de bicicleta, parou por trás da máquina tentando dar sinal ao seu colega maquinista para poder abordar assunto de trabalho. Contudo, devido ao barrulho da máquina, o condutor não ouviu; deixou o contentor quando ia fazer a inversão de marcha para carregar outro contentor, passou por cima do seu colega, com o pneu traseiro.

O director da empresa, que prestou solidariedade à família do malogrado, explicou que desatenção do maquinista pode ter sido a principal origem do acidente.

“Acho que houve distração do operador, segundo a explicação do colega que esteve a acompanhar a operação, Gasolina saiu de escritório com tendência de ir buscar uma cedência com um cliente e depois foi até ao operador para procurar saber do trabalho que seria a seguir e numa clara desatenção do colega quando fazia a marcha atras, não teve o cuidado de olhar para ver se tudo estava conforme”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.